colab.

ESPECIAL PUBLICITÁRIO

Tudo o que você precisa saber sobre como vender no orgânico

como vender no orgânico: 5 formas e estratégias

Ampliar seu negócio é algo interessante para sua empresa, por isso, cada vez mais empresários e gestores têm buscado diferentes maneiras para investir e, neste caso, buscam entender como vender no orgânico. E não há nada melhor para ampliar a  publicidade do seu negócio do que conseguir mais visitantes em seu site – e o tráfego orgânico é um dos maiores meios de atingir essa meta, promovendo benefícios únicos que contribuem para o seu crescimento.

Por isso, é importante investir em estratégias que visam acrescentar algo a mais para a visibilidade da sua empresa de buscar outras ações no seu planejamento de vendas e marketing digital e venda orgânica.

Saber como vender no orgânico não é um bicho de sete cabeças. Nesse sentido, 5 plataformas são fundamentais para o tráfego orgânico. Confira quais são:

1. Marketing de Conteúdo

Um dos pilares para alcançar novos clientes é  elaborar conteúdos interessantes e chamativos que interessem à persona. Deste modo, as visitas se tornam qualificadas e duradouras, fidelizando o cliente.

2.SEO

O SEO (Search Engine Optimization) é um instrumento que otimiza os mecanismos de buscas, tornando o site mais fácil de ser achado pelo usuário.

Essa é uma ótima artimanha que requer conhecimento. Reconhecer as palavras-chaves ideais (ou seja, termos usados para encontrar determinado conteúdo) e usá-las ao longo do conteúdo são fundamentais para levar mais propriedade do conteúdo no Google ou Bing, por exemplo.

3.E-mail marketing

O e-mail marketing é um canal bastante interessante para quem deseja fidelizar o cliente com conteúdo relevante. Com uma lista de e-mails é provável atrair uma porcentagem alta de leads, direcionando-os para a home do seu site ou para as páginas que preferir.

4.Youtube

A plataforma de vídeos também é muito importante para chamar novos seguidores. O Youtube é um canal essencial para a difusão de vídeos. Você começa a conquistar autoridade com o tráfego de pessoas interessadas.

Ao receber likes e  elevar o número de inscrições, o Youtube entende que você domina o conteúdo, e coloca seus vídeos no topo das pesquisas do assunto abordado.

5.Instagram

O Instagram ganhou muito mais dinheiro nos últimos anos quando mudou a forma de difusão, o que mais focava somente em postagem de fotos e vídeos, atualmente tornou- se uma cadeia de marketing de vendas.

Pode-se significar que o Instagram é um instrumento que transforma pessoas em marcas, aumentando drasticamente o tráfego gratuito.

O que é tráfego orgânico?

Tráfego orgânico é o tipo de visitação espontânea, sem o tratamento e oferecimento de anúncios para converter pessoas para o seu negócio e atrair ainda mais clientes. A alternativa surge a partir de mecanismos de buscas, como o Google e o Bing. Mas, como vender no orgânico? Vamos aprender um pouco mais da técnica a seguir:

O amplo contraste do tráfego orgânico para o remunerado é que se gasta uma única vez para conquistar os resultados que deseja.

Na prática, a comunicação orgânica acontece nas ocasiões em que o usuário é induzido, atraído para o seu site por meio de alguma pesquisa feita nos buscadores, transação sem custo de um anúncio.

Tráfego orgânico x pago

O tráfego orgânico e o pagamento são dois recursos muito utilizados para atrair pessoas ao site, no entanto, eles funcionam de maneiras diferentes. No tráfego orgânico o custo é pago uma única vez (entenderemos mais a frente), agora no tráfego pago o cliente faz o pagamento frequentemente para conquistar os resultados.

Para isso, o investimento em anúncios é realizado em plataformas como Google Ads, Instagram Ads ou Facebook Ads, por exemplo.

A comunicação orgânica é gerada por relevância, o que significa que o conteúdo está bastante dividido nos mecanismos de buscas. Já a divulgação paga, como diz o nome, acontece por recompensa financeira, tornando a visualização do classificado visível para o cliente enquanto programada.

Mas como é realizado o pagamento para tero tráfego orgânico? Embora o custo seja menor que o remunerado, o investido rusa estratégias de atração de clientes.

Os gastos para conseguir uma alta porcentagem de usuários visíveis são o aluguel do espaço, host na web e software. Ou seja, nada é de graça, mas neste caso, o custo serve basicamente para ter o site no ar.

Por que investir em tráfego orgânico?

Uma das vantagens do tráfego orgânico é o custo-benefício, já que, apesar de contribuir para a redução dos custos da sua empresa com mídia paga, ele não gera despesas com o clique em si. Para converter visitantes, os investimentos necessários – invenção e manutenção de site ou blog, contratação de profissionais e ferramentas de conteúdo, entre outros – ocorrem indiretamente.

O tráfego orgânico pode trazer resultados escaláveis com muito mais facilidade, uma vez que o valor por lead é menor alongo prazo, sem possibilitar de trazer retorno se você parar de investir. É possível adivinhar com precisão quais os caminhos a serem tomados para desenvolver as estratégias. Se você quer criar uma base sólida de leads, obter melhoria exponencial e reduzir cada vez mais o seu investimento, é essencial somar essas estratégias ao seu plano de ação.

As ações que visam alvejar resultados orgânicos também promovem o progresso da relevância e da dignidade da marca no universo digital. Através de conteúdos bem estruturados, você pode transmitir o seu conhecimento para o cliente, apresentando informações pertinentes que aumentam as chances de conversão. Além disso, o cliente tende a acreditar muito mais em uma empresa em que ela não oferece anúncios que não foram solicitados.

Os conteúdos otimizados são capazes de fabricar leads por muito mais tempo, sem comprometer o custo da campanha. Para exemplificar, basta utilizar a marca de visitas que um blog post pode computar indefinidamente em comparação ao investimento necessário para manter um anúncio ativo por um determinado período.

As ações para aumentar o tráfego orgânico costumam limitar os laços entre empresa e cliente. Há até agora mais benefício sem disponibilizar as respostas que o usuário procura nos mecanismos de alcance, especialmente quando essa ponte é construída pelo marketing de conteúdo associado a práticas SEO.

Na Prática

A Comunidade Na Prática tem uma série de cursos e palestras que podem te auxiliar a entrar não só no mercado de tráfego orgânico, mas a desenvolver outras estratégias de aquisição e captação clientes online, como também em vários outros segmentos do mundo dos negócios e em situações importantes para a vida de um gestor ou administrador de um negócio, principalmente no que se diz respeito ao marketing e ao comércio digital.

Lá você obterá ainda mais conhecimento na área e poderá prosperar seu negócio para além do que se espera. Conhecimento e estudo são muito importantes no mundo dos negócios, principalmente para saber como vender no orgânico. Conheça a Comunidade Na Prática e fique por dentro do que tem acontecido no mercado!

Qual foi o seu insight lendo este artigo? Compartilhe com a gente:

Artigos relacionados:

COMPARTILHE ♡

Continue aprendendo com os nossos cursos:

No items found.

TAGS TODAS AS TAGS

MATERIAIS RELACIONADOS

No items found.

DEIXE SEU COMENTÁRIO:

ENDOSSADO POR

Automação de Marketing

Já pensou como seria criar um sistema que fizesse o serviço de comunicação pesada enquanto você cuida de outras prioridades? Nosso mestre Dan Palmieri ensina como automatizar o envio de e-mails e atingir clientes de uma maneira diferenciada.

Box Resultado Imediato

Direto ao ponto e sem longas teorias, Maxsuel Inicius é o especialista convidado pela Academia 360 para te ajudar a ter resultados incríveis no seu negócio online com o método que desenvolveu, o do Zero à Escala. Confira tudo que você vai aprender!

Criação de Produtos Digitais

Conheça toda a base inicial para criar não apenas um, mas um mix de produtos a partir da sua ideia. Aprenda a identificar as oportunidades, a estruturar o conteúdo, quais são os modelos de produtos e de precificação, além de bônus especiais. Confira!

ESCUTE O POSTCAST DESTE ARTIGO: